Termina última audiência de julgamento de Fritzl

Sankt Pölten (Áustria), 18 mar (EFE).- A última sessão do julgamento de Josef Fritzl, o Monstro de Amstetten, terminou hoje na Audiência Provincial de Sankt Pölten, ao oeste de Viena, o que abre caminho para que o veredicto seja anunciado nesta quinta-feira.

EFE |

Hoje, o acusado assumiu a culpa das acusações contra si, entre elas homicídio por omissão de socorro e escravidão.

Fritzl é acusado de ter trancado em um porão durante 24 anos sua filha Elisabeth, que, nesse período, foi constantemente violentada e com a qual teve sete filhos.

Uma dessas crianças morreu em 1996, poucos depois dias de nascer, devido à falta de assistência médica.

A admissão de culpa do austríaco poderia facilitar a decisão do tribunal, e ele pode ser condenado a uma pena de prisão perpétua.

Além de homicídio e escravidão, ele é acusado de estupro, coação grave, cárcere privado e incesto.

Na sessão de hoje foram apresentados os relatórios periciais sobre o estado psiquiátrico do réu e outros estudos técnicos sobre o cativeiro no qual Fritzl trancou a filha.

O julgamento atraiu centenas de jornalistas de vários países do mundo.

A sessão tinha sido aberta novamente a um número restrito de repórteres, após a audiência de terça-feira ter sido realizada a portas fechadas para proteger a intimidade da vítima. EFE as/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG