Um teólogo muçulmano emitiu uma fatwa, um decreto religioso, contra um produto de combate à calvície que pode causar impotência.

O texto foi publicado no Islam-on-line em resposta à consulta de um jovem religioso preocupado.

Apreensivo pelas dúvidas e a calvície, Adnan enviou uma pergunta ao site para saber se poderia usar o produto que, segundo a bula, poderia causar problemas de ereção.

Na resposta, o teólogo Zainab al-Alwani afirma que Adnan não deve usar o remédio porque "a impotência é um problema grave que pode ter consequências negativas na vida em casal".

an/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.