Temporada de furacões é aberta com primeira depressão tropical

Miami, 28 mai (EFE).- A primeira depressão tropical da temporada de furacões do Oceano Atlântico se formou hoje nas águas do litoral nordeste americano, mas não ameaça nenhuma área povoada, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC) dos Estados Unidos.

EFE |

O NHC informou em seu boletim das 12h (horário de Brasília) de hoje que a depressão tropical se encontrava a cerca de 500 quilômetros ao sul da cidade de Providence, nos EUA, e a 1.020 quilômetros ao sudoeste de Halifax, no Canadá.

O sistema meteorológico se movimenta rumo ao nordeste a 27 km/h e se espera que mantenha esta trajetória durante as próximas 48 horas.

"Não esperamos que a depressão ameace nenhuma área de terra", assinalaram os especialistas do NHC, com sede em Miami.

A depressão apresenta ventos máximos sustentados de 55 km/h, com rajadas mais fortes, e "pode se transformar em tempestade tropical nas próximas 24 horas. Mesmo assim, se dissiparia depois ao entrar em águas mais frias", indicaram os meteorologistas.

A temporada de furacões no Atlântico começa no próximo dia 1 e termina no dia 30 de novembro. Segundo a Administração Oceânica e Atmosférica Nacional (NOAA, em inglês) dos EUA, registrará uma atividade "perto do normal".

No último dia 21, a NOAA previu que a temporada atlântica registrará a formação de entre nove e 14 tempestades tropicais, das quais entre quatro e nove podem se transformar em ciclones, um deles de categoria maior (3, 4 ou 5 na escala de intensidade Saffir-Simpson). EFE emi/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG