BERLIM - As fortes tempestades que castigam a Polônia mataram sete pessoas e provocaram muitos danos materiais, especialmente no sudoeste do País, disseram nesta sexta-feira fontes do Corpo de Bombeiros.

Na noite passada, os bombeiros tiveram que atender quase quatro mil chamadas, relatou um porta-voz da entidade. A maioria das vítimas fatais foi morta por árvores que foram derrubadas pelo mau tempo.

Uma mulher grávida de 24 anos morreu quando uma árvore caiu sobre o carro no qual trafegava, assim como o bebê que carregava.

As piores tempestades ocorreram no sudoeste do país, onde três pessoas morreram e 20 ficaram gravemente feridas. Os ventos derrubaram postes de eletricidade e árvores.

Durante a noite, as tempestades chegaram a Varsóvia, onde foram registrados danos e cortes no fornecimento de eletricidade, mas até o momento não houve informação sobre mortes ou feridos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.