Autoridades descreveram a situação na maior cidade da costa noroeste da Itália como 'extremamente séria'

Tempestades atingiram o noroeste da Itália nesta sexta-feira, deixando ao menos seis mortos e inundando partes da cidade de Gênova, uma semana depois que chuvas torrenciais castigaram áreas costeiras nas proximidades .

Pessoas são vistas em rua cheia de lama e escombros depois de inundação que atingiu o centro de Gênova, na Itália
AFP
Pessoas são vistas em rua cheia de lama e escombros depois de inundação que atingiu o centro de Gênova, na Itália
Imagens veiculadas pela televisão mostraram carros flutuando nas águas das enchentes e pessoas caminhando pelas ruas com água na altura dos joelhos em Gênova, a maior cidade na costa noroeste da Itália. Autoridades descreveram a situação como "extremamente séria" e alertaram a população a tomar cuidado.

"Não deixem suas casas, subam para os andares mais altos, fechem as lojas e não entrem em seus carros por qualquer motivo", alertou a prefeitura da cidade em seu site oficial.

Serviços de emergência disseram que ao menos seis pessoas, incluindo crianças, morreram nas enchentes. Entre as vítimas também está uma mulher que morreu atropelada por carros que foram arrastados pela cheia de um rio.

Outra mulher e seus dois filhos, de nacionalidade albanesa, que estavam desaparecidos, foram encontrados mortos em um bairro localizado às margens do rio Ferreggiano, juntamente com outros dois adultos. A enxurrada arrastou dezenas de carros, arrancou tubulações de gás e inundou garagens e armazéns.

Na semana passada, o governo declarou estado de emergência na Ligúria e Toscana, também localizadas no noroeste do país, depois que tempestades fustigaram áreas costeiras, deixando ao menos dez mortos e provocando amplas inundações e deslizamentos de terra. 

"Trata-se de uma tragédia imprevisível", afirmou a prefeita de Gênova, Marta Vicenzi, também preocupada com a destruição de várias pontes e deslizamentos de lama em várias cidades. Segundo autoridades da prefeitura, não está descartada a possibilidade da suspensão, no domingo, de um jogo de futebol entre o clube local, Genoa, e a Inter de Milão por causa do mau tempo.

*Com Reuters e AFP

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.