Paloma vira furacão; fenômeno pode atingir Cuba no domingo - Mundo - iG" /

Tempestade Paloma vira furacão; fenômeno pode atingir Cuba no domingo

MIAMI - A tempestade tropical Paloma se tornou hoje o oitavo furacão da atual temporada de ciclones do Atlântico e a previsão é que continue ganhando intensidade até chegar a Cuba.

EFE |

Com ventos de 120 km/h, o fenômeno meteorológico virou um furacão de categoria 1 na escala de intensidade Saffir-Simpson, que vai até 5, informou o Centro Nacional de Furacões (NHC, na sigla em inglês), com sede em Miami.

"(O ciclone) continua se organizando melhor e é possível que fique mais forte. A expectativa é que o 'Paloma' vire um furacão de categoria 2 na sexta-feira", disse o NHC em seu boletim das 22h (de Brasília).

Em decorrência da evolução do ciclone, as autoridades americanas mantêm em vigor o "aviso de furacão" - passagem do fenômeno em 24 horas - emitido para as Ilhas Cayman.

Já em Cuba e na Jamaica, a população deve acompanhar o deslocamento do furacão, recomendaram os meteorologistas.

No momento, o olho do "Paloma" encontra-se cerca de 270 quilômetros ao sul da ilha Grand Cayman e 450 quilômetros a oés-sudoeste de Montego Bay, na Jamaica.

O fenômeno, que se desloca para norte a 19 km/h, se formou na quarta-feira, como depressão tropical, perto da fronteira entre Nicarágua e Honduras, e hoje havia se tornado a 16ª tempestade da atual temporada de ciclones do Atlântico.

Segundo as previsões do NHC, o "Paloma" ameaça passar por Cuba no domingo.

    Leia tudo sobre: paloma

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG