Miami, 27 ago (EFE).- A tempestade tropical Danny perdeu força hoje e seus ventos máximos sustentados baixaram para 85 km/h, mas o fenômeno segue avançando em direção à costa da Carolina do Norte (EUA), que agora está sob alerta.

O Centro Nacional de Furacões dos EUA (NHC) informou no boletim de 18h (de Brasília) que foi emitido um alerta de tempestade tropical (passagem do sistema em 36 horas) de Cabo Lookout até Duck, incluindo Albemarle e Pamlico Sounds, na Carolina do Norte.

Apesar de "Danny" ter perdido força, os meteorologistas previram que se fortaleça levemente durante os próximos dois dias, mas descartaram que se transforme em furacão enquanto avança pela costa nordeste dos Estados Unidos.

O centro da tempestade se movimenta em direção ao oeste e estava localizado perto da latitude 27,5 graus norte e da longitude 73,5 graus oeste, cerca de 480 quilômetros ao nordeste de Nassau, nas Bahamas, e 875 quilômetros a su-sudeste de Cabo Hatteras, em Carolina do norte (Estados Unidos).

O fenômeno se desloca muito lentamente, a 3 km/h, e deve girar em direção ao noroeste e aumente a velocidade hoje na noite.

O NHC também informou que uma onda tropical localizada 563 quilômetros a su-sudoeste das ilhas de Cabo Verde mostra sinais de organização e existe de 30% a 50% de probabilidade que se transforme em depressão tropical nas próximas 48 horas.

A temporada de furacões na bacia atlântica começa em 1º de junho e termina em 30 de novembro.

Até o momento, foram formadas quatro tempestades, incluindo "Danny", e um furacão, "Bill".

A Administração Nacional de Oceanos e Atmosfera (NOAA) dos EUA previu no começo de agosto a formação de entre 7 e 11 tempestades tropicais e de 3 a 6 furacões, dos quais um ou dois poderiam ser de categoria 3,4 ou 5, as maiores na escala de intensidade Saffir-Simpson. EFE so/db

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.