Bertha avança rumo a Bermudas - Mundo - iG" /

Tempestade Bertha avança rumo a Bermudas

(Atualiza com boletim das 18h, Brasília) Miami, 13 jul (EFE).- A tempestade Bertha avança em direção às Bermudas com ventos máximos sustentados de 100 km/ h, enquanto no Atlântico pode estar se formando a terceira depressão tropical da temporada de furacões de 2008.

EFE |

Segundo o boletim das 18h (Brasília) do Centro Nacional de Furacões (NHC) dos EUA, uma onda tropical localizada a 2.494 quilômetros ao leste do sul das ilhas de Barlavento, "se organizou melhor e tem o potencial de se transformar em uma depressão tropical durante os próximos dois dias".

"Bertha" começou a se deslocar novamente para o noroeste a 4 km/h e, com esta lenta passagem, em 24 a 36 horas deve girar de maneira gradual para o norte.

"Com esta trajetória, espera-se que o olho de 'Bertha' passe lentamente não muito longe do sudeste e leste de Bermudas durante os próximos dias, mas o movimento poderia ser errático em algumas ocasiões, e poderia trazê-lo para mais perto do arquipélago do que indica a trajetória prevista", afirmou.

Apesar de "Bertha" ter passado hoje de furacão categoria um na escala de intensidade Saffir-Simpson - que vai até cinco - para tempestade tropical, Bermudas continuam sob alerta.

O NHC, com sede em Miami, ratificou que está vigente um aviso de tempestade tropical (passagem do sistema em 24 horas).

O olho da tempestade estava perto da latitude 30,2 graus norte e longitude 63 graus oeste, 290 quilômetros ao sudeste de Bermudas O NHC informou que o sistema causará grandes ressacas no litoral do arquipélago, enquanto as faixas externas da tempestade poderiam causar fortes chuvas.

Durante a temporada de furacões do Atlântico norte, que começou em 1º de junho e terminará em 30 de novembro, houve a formação de duas tempestades tropicais, "Arthur" e "Bertha", que se transformou no primeiro ciclone da temporada de 2008.

A Administração Nacional dos Oceanos e a Atmosfera (NOAA, em inglês) dos Estados Unidos previu que nesta temporada haverá a formação de seis a nove furacões, e de 12 a 16 tempestades tropicais.

O NHC previu que a temporada será "levemente mais ativa do que o normal". EFE sob/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG