Tempestade mata pelo menos 110 pessoas na Índia

(Eleva o número de mortos) Nova Délhi, 14 abr (EFE).- Pelo menos 110 pessoas morreram e 200 ficaram feridas em uma tempestade que destruiu mais de 50 mil casas no estado indiano de Bengala e a limítrofe Bihar, informaram hoje fontes oficiais.

EFE |

A tempestade começou ontem à noite de Dinajpur, com ventos de até 125 km/h que arrastaram grandes quantidades de areia.

Mais tarde, a tempestade seguiu até os distritos de Araria e Purnia do estado contígua de Bihar, e afetou uma pequena área do estado de Assam, no nordeste indiano.

Pelo menos 67 pessoas morreram em Bihar, 39 em Bengala e outras quatro em Assam por causa da tempestade, que deixou mais de 200 pessoas feridas, conforme a agência de notícias "PTI".

As autoridades advertiram que o número total de mortos poderia aumentar.

O vento derrubou milhares de árvores que cortaram as principais vias da região, quebrou postes de energia e linhas de comunicação e destruiu 50 mil casas.

De acordo com um inspetor da Polícia de Bengala o temor é que "muita gente tenha sido apanhada por árvores".

O ministro de Defesa Civil, Srikumar Mukherjee, explicou a "PTI" que a tempestade ocorreu quando a população já estava dormindo e que os danos foram consideráveis porque as casas destruídas eram de barro.

Mukherjee descreveu a situação como "muito grave", já que milhares de pessoas podem ficar sem moradia. EFE nt/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG