Técnico de computador é acusado de copiar fotos de ator fazendo sexo

Um técnico de computador está sendo julgado por copiar ilegalmente 1.300 fotos do astro de cinema de Hong Kong Edison Chen fazendo sexo com mulheres famosas.

BBC Brasil |

Sze Ho-chun, de 24 anos, disse a um tribunal em Hong Kong que é inocente das acusações de ter copiado as fotos do laptop de Chen, que havia sido levado à loja de reparos onde ele trabalhava.

Fotos do ator com várias celebridades asiáticas foram colocadas na internet ano passado. Chen, de 28 anos, admitiu ter tirado as fotos e pediu desculpas.

O escândalo, que envolveu as atrizes Cecilia Cheung e Bobo Chan e a cantora pop Gillian Chung, causou sensação na China, onde a pornografia é considerada crime.

'Entristecido'

Sze Ho-chun negou acusações de ter usado o computador com a intenção de obter lucros no período entre 1 e 8 de junho de 2006.

A promotoria alega que em algum momento nesse período o técnico mostrou imagens para duas clientes antes de entregar um CD com as imagens a uma delas.

As fotos apareceram na internet em fevereiro de 2008. Na época, Chen, que nasceu no Canadá, disse em uma entrevista que estava "profundamente entristecido" e que queria "pedir desculpas a todas as pessoas pelo sofrimento que lhes causou".

O ator disse que iria interromper sua carreira "por tempo indeterminado". Mas em meados desta semana, Chen, que buscou refúgio no Canadá depois que as fotografias apareceram na internet, foi a Cingapura para promover seu novo filme, The Sniper.

Chen atuou em filmes como Batman - O Cavaleiro das Trevas, O Grito-2, O Medalhão e Conflitos Internos.

Leia mais sobre Edison Chen

    Leia tudo sobre: edison chen

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG