Tâmeis bloqueiam tráfego ferroviário em estação alemã por 2 horas

Berlim, 17 mai (EFE).- Centenas de tâmeis, segundo a Polícia, se concentraram hoje nas vias da estação central de Frankfurt, oeste da Alemanha, para protestar contra o assassinato do povo tâmil no conflito do Sri Lanka, e forçaram a suspensão do tráfego ferroviário por cerca de duas horas.

EFE |

"Guerra sem testemunhas no Sri Lanka. Detenham o massacre dos tâmeis" foi um dos lemas defendidos pelos manifestantes, que, através de megafones, gritavam: "Queremos a paz. Queremos um Estado próprio" e "Alemanha, ajude-nos".

Hoje, os Tigres de Libertação da Pátria Tâmil (LTTE) anunciaram a interrupção unilateral dos choques perante o derramamento de sangue no norte do Sri Lanka.

O grupo pegou em armas em 1983 em uma guerra aberta contra o Exército do Sri Lanka para conseguir um Estado tâmil, em um conflito que já deixou mais de 70 mil mortos.

Durante as duas horas em que o tráfego ficou interrompido na estação de Frankfurt, a companhia ferroviária alemã Deutsche Bahn iniciou um programa de emergência para desviar os trens de longa distância e cortaram temporariamente as linhas urbanas. EFE nvm/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG