O movimento talibã pediu ao presidente americano, Barack Obama, que feche os diabólicos centros de detenção dos Estados Unidos, que se retire completamente do Iraque e do Afeganistão e deixe de defender Israel, em uma mensagem divulgada nesta terça-feira.

A mensagem, cuja cópia foi obtida pelo Grupo de Inteligência SITE, pede a Obama que dê esses passos para reverter as "políticas satânicas" de seu antecessor, George W. Bush.

"A decisão de Obama de fechar o centro de detenção de Guantánamo é um passo positivo para a paz e para a estabilidade na região e no mundo", destacou a mensagem, publicada em fóruns de Internet de extremistas islâmicos.

oh/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.