Talibãs matam ex-oficial paquistanês sequestrado

Islamabad, 30 abr (EFE).- As autoridades paquistanesas encontraram o corpo de um ex-oficial do principal serviço de inteligência do Paquistão (ISI), sequestrado há um mês na região tribal do Waziristão do Norte, informou hoje o canal "Geo TV".

EFE |

Islamabad, 30 abr (EFE).- As autoridades paquistanesas encontraram o corpo de um ex-oficial do principal serviço de inteligência do Paquistão (ISI), sequestrado há um mês na região tribal do Waziristão do Norte, informou hoje o canal "Geo TV". Khalid Khwaja, um comandante retirado da Força Aérea ligado a correntes islamitas, foi sequestrado em março junto com um jornalista britânico e outro antigo funcionário do ISI por um grupo insurgente desconhecido na região, que faz fronteira com o Afeganistão. O corpo de Khwaja foi encontrado hoje com diversas marcas de bala, na região de Karam Kot, no distrito de Mir Ali, segundo a "Geo TV". De acordo com a versão, uma organização que se diz chamar Tigres Asiáticos e que supostamente é formada por membros de uma facção talibã da província de Punjab assumiu autoria do assassinato por meio de uma nota deixada junto com o corpo da vítima. Khwaja e o coronel retirado Sultan Amir Tarar, mais conhecido como "coronel Imame", acompanharam o documentarista britânico de origem paquistanesa Assad Qureshi para realizar uma série de entrevistas com insurgentes talibãs no Waziristão do Norte, considerado um reduto fundamentalista. EFE igb/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG