CABUL - Um comandante taleban reinvindicou nesta quinta-feira a captura de um soldado americano no Afeganistão, desaparecido há três dias.

"Um de nossos comandantes, Maulaui Sangin, captrou um soldado da coalizão ao lado de três guardas afegãos em Yusuf Jail, distrito da província de Paktika", afirmou o comandante taleban, que se apresentou apenas como Bahram.

O Exército dos Estados Unidos anunciara mais cedo acreditar que um de seus soldados, desaparecido há três dias, havia sido capturado por combatentes islamitas no Afeganistão.

"Acreditamos que um soldado, que está desaparecido desde 30 de junho de sua unidade, foi capturado por milicianos", afirmou a porta-voz do Exército americano, Elizabeth Mathias.

"Estamos usando todos os recursos disponíveis para encontrá-lo e permitir seu retorno", completou, sem revelar mais detalhes, nem sequer a província na qual o soldado está desaparecido.

"Não estamos divulgando nenhum detalhe para proteger a situação do soldado", disse a porta-voz.

Ao que parece, este é o primeiro caso de soldado sequestrado no Afeganistão desde que as tropas americanas entraram no país para expulsar os talibãs do poder em 2001.

Leia mais sobre Guerra no Afeganistão

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.