Taleban paquistanês assume atentado frustrado em NY

Em comunicado, grupo terrorista diz que a explosão deveria vingar o assassinato de dois islâmicos e "mártires muçulmanos"

Reuters |

DUBAI - O Taleban paquistanês assumiu a responsabilidade pela tentativa frustrada de explodir um carro-bomba na Times Square, em Nova York, segundo um comunicado postado num site islâmico na internet neste domingo. O comunicado dizia que a explosão era para vingar o assassinato de dois islâmicos e "mártires muçulmanos".

AP
Taleban paquistanês assume atentado frustrado em NY

"O Taleban paquistanês anunciou sua responsabilidade pelo ataque de Nova York em vingança pelos dois líderes al-Baghdadi e al-Mahajer e mártires muçulmanos", segundo a mensagem.


AFP/Chris Hondros
Homem observa ruas da proximidade da Times Square, onde autoridades desativaram bomba na noite de sábado
A tentativa frustrada de atentado só não aconteceu porque um vendedor ambulante da cidade avisou a polícia sobre a presença de um carro suspeito abandonado na rua do centro da cidade. A polícia de Nova York encontrou e desativou o carro-bomba, evitando o que chamou de "ato de terrorismo" e forçou a retirada das pessoas da Times Square. O atentado, segundo autoridades, poderia ter matado várias pessoas.

A Times Square é um local popular de Manhattan e estava lotada de turistas e de espectadores de teatro em uma noite quente de sábado em Nova York. A maior parte da Times Square foi reaberta aos carros e aos pedestres por volta de 5h (horário local, 6h em Brasília).

"Por sorte ninguém ficou ferido, e agora toda a atenção das forças policiais da cidade, do Estado e em nível federal se voltam para levar os culpados deste ato de terrorismo à Justiça", disse o governador de Nova York, David Paterson, em comunicado.

    Leia tudo sobre: TalebanatentadoNova York

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG