Taiwan concedeu asilo político temporário à filha de Zelaya

Taipé, 29 set (EFE).- O Ministério de Assuntos Exteriores de Taiwan defendeu hoje a concessão de asilo político temporário, em sua embaixada de Tegucigalpa, à filha mais nova do deposto presidente de Honduras, Manuel Zelaya.

EFE |

"A filha mais nova de Zelaya pediu asilo político em nossa embaixada em Honduras dia 28 de junho. Estava grávida e aceitamos seu pedido por motivos meramente humanitários", disse o chanceler taiuanês, Timothy C.T. Yang, em entrevista coletiva.

A concessão de asilo à filha de Zelaya não constitui interferência alguma na luta política interna de Honduras, apontou o chanceler taiuanês.

"A embaixada informou ao Governo interino de Honduras de sua decisão de conceder asilo à filha de Zelaya desde o primeiro momento", assinalou Yang.

A filha de Zelaya e sua menina de 5 anos estiveram na embaixada até dia 10 de julho, assinalou Yang, que acrescentou que o atual Governo de fato presidido por Roberto Micheletti não se opôs à concessão do asilo.

Taiwan segue de perto a situação em Honduras, um dos 23 aliados diplomatas da ilha, e defende a neutralidade política perante as disputas políticas internas do país centro-americano. EFE flp/fk

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG