Bangcoc - Tailândia e Indonésia lembraram hoje as cerca de 175 mil pessoas que há cinco anos morreram nestes dois países por causa do colossal tsunami que pulverizou áreas litorâneas de uma dúzia de nações banhadas pelo oceano Índico.

Milhares de tailandeses e estrangeiros participaram do ritual budista realizado na localidade de Takua Pa, na província de Phang Nga, e ao sudoeste da Tailândia, para prestar homenagem às 8.324 vítimas.

AP

Mãe e filha prestam homenagem

Ao amanhecer, o povo fazia fila ao longo da principal rua para entregar suas oferendas ao milhar de monges que celebraram a cerimônia no mesmo mosteiro no qual especialistas trabalharam durante vários meses para identificar os corpos.

Cerca de poucos quilômetros dali fica Ban Nam Khem, um povoado de pescadores que perdeu mais da metade de seus habitantes, e também a turística localidade de Khao Lak, onde cerca de três mil estrangeiros de diferentes nacionalidades perderam a vida.

Na província indonésia de Aceh, extremo norte da ilha de Sumatra e onde morreram 167.540 pessoas, também uma multidão participou dos atos religiosos.

Cerca de 226.500 pessoas morreram nos países do oceano Índico aos quais o tsunami chegou com força após o maremoto registrado a oeste de Sumatra.

Leia mais sobre: tsunami

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.