Jacarta - O Centro de Alertas de Tsunami do Pacífico suspendeu o alerta de formação de tsunami, depois que um terremoto de 7,4 graus de magnitude na escala aberta de Richter atingisse a ilha indonésia de Java.

O Serviço Geológico dos Estados Unidos, que vigia a atividade sísmica mundial, indicou que o epicentro do terremoto foi detectado a 62 quilômetros de profundidade, 104 quilômetros ao sudoeste da cidade de Bandung e 198 quilômetros ao sudeste de Jacarta, a capital.

"Os níveis do mar indicam que não se gerou um tsunami significante, portanto o alerta foi cancelado", indicou o centro em uma nota.

O forte abalo sísmico provocou pânico em Jacarta, onde muitos residentes notaram o tremor e alguns edifícios chegaram a ser evacuados.

As autoridades indonésias não informaram até o momento sobre vítimas ou danos materiais pelo terremoto, que segundo o Instituto Nacional de Sismologia foi de 7,3 graus de magnitude com epicentro a 142 quilômetros ao sudoeste da regência de Tasikamalaya, ao oeste de Java e onde residem aproximadamente 840 mil pessoas.

Em mensagem, o Centro de Alertas de Tsunami do Pacífico afirmou que "há a possibilidade que se forme um tsunami destrutivo no Oceano Índico".

Indonésia está localizada sobre o chamado "Anel de Fogo do Pacífico", uma zona com grande atividade sísmica e vulcânica que é sacudida cerca de 7 mil tremores ao ano, a maioria moderados.

Leia mais sobre: terremoto

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.