Suspeitas de gripe suína dobram para 14 no Brasil

Rio de Janeiro, 2 mai (EFE).- Subiram de sete para 14 os casos suspeitos de gripe suína no Brasil, enquanto caíram de 41 para 37 os pacientes internados em observação, segundo boletim divulgado hoje pelo Ministério da Saúde.

EFE |

O número de casos suspeitos -todos concentrados na região sudeste- dobrou em relação a ontem, quando o ministério havia divulgado seu boletim anterior.

Até agora, são seis casos suspeitos no estado de São Paulo, quatro no Rio de Janeiro, três em Minas Gerais e um no Espírito Santo.

As 37 pessoas em observação se dividem por 15 dos 27 estados, do sul à Amazônia e ao nordeste.

A mudança nos números deve-se ao fato de que o Ministério da Saúde decidiu mudar a definição de casos "suspeitos" e "em observação", segundo nota oficial.

São considerados "suspeitos" os casos das pessoas que tenham vindo de países com casos confirmados e que apresentem os sintomas da gripe suína e, como novidade, de que tenha tido contato próximo com pessoas infectadas desses países.

Os casos "em observação" correspondem às pessoas com sintomas, que não provenham dos países afetados segundo a lista da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Esta lista inclui México, Estados Unidos, Canadá, Espanha, Reino Unido, Nova Zelândia, Israel, Alemanha, Áustria, Suíça, Holanda, Dinamarca, Alemanha, França, Itália e Coreia do Sul. EFE mp/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG