Suposto líder do grupo separatista ETA é detido na França

Perpiñán, FRANÇA - As forças de segurança francesas, em colaboração com as espanholas, detiveram neste sábado, no sudoeste da França, Jurdan Martitegi, suposto chefe do aparelho militar da organização armada basca separatista ETA.

AFP |

Martitegi, provável sucessor de Aitzol Iriondo - preso em dezembro passado - como chefe militar do ETA foi preso nos arredores de Perpiñán com outros dois supostos membros etarras.

O ministério francês do Interior confirmou a prisão de três supostos membros do ETA, mas não confirmou se um deles seria Martitegi.

Nos últimos meses foram detidos na França inúmeros chefes e membros do ETA, considerado responsável por 825 mortos em mais de 40 anos de violência pela independência do País Basco (norte).

Leia mais sobre: ETA

    Leia tudo sobre: eta

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG