Suposto ladrão é linchado e morto na Bolívia

La Paz, 2 mar (EFE).- Um homem de aproximadamente 30 anos morreu hoje vítima de um linchamento na cidade boliviana de El Alto, após ter sido surpreendido supostamente roubando uma casa, informou a rádio Erbol, que cita fontes policiais.

EFE |

A Polícia de El Alto disse que por volta das 10h locais (11h de Brasília), o corpo do suposto ladrão foi encontrado seminu e amarrado a um poste, depois de ter sido morto em um linchamento como represália a uma tentativa de roubo.

O linchamento de criminosos é relativamente frequente na região andina boliviana, onde não é raro encontrar bonecos pendurados em postes de luz como sinal de advertência, especialmente em El Alto, cidade divisória a La Paz.

Alguns grupos associam os linchamentos com a chamada "justiça comunitária", aplicada tradicionalmente pelas comunidades indígenas à margem das instituições do Estado.

No entanto, esta prática é condenada e rejeitada pelo Governo do presidente Evo Morales, que promoveu a institucionalização da "justiça comunitária" na nova Constituição, e por alguns representantes de setores indígenas. EFE az/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG