Suposto contato de advogados com o ETA é detido na França

Madri, 16 abr (EFE).- A Polícia francesa deteve o suposto responsável pelos contatos entre os advogados detidos na quarta-feira no País Basco e a cúpula do grupo terrorista ETA, informaram à agência Efe fontes da luta antiterrorista.

EFE |

Trata-se, segundo as fontes, de David Plá, suposto membro do "comando Zaragoza" da ETA, que foi detido na localidade de Hendaye, sudoeste da França, junto à fronteira com a Espanha.

Plá tinha sido detido em Zaragoza, cidade do nordeste da Espanha, em 2000, e foi libertado em agosto de 2006.

Embora tenha sido acusado pelo assassinato do senador espanhol Manuel Giménez Abade em maio de 2001 em Zaragoza, ele foi libertado, já que a Justiça espanhola não encontrou indícios de sua participação no crime. EFE lss/fm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG