Suposto chefe da Al-Qaeda no Iraque está nas mãos da justiça

O suposto chefe da Al-Qaeda no Iraque, Abu Omar Al Bagdadi, está nas mãos da justiça, anunciou nesta terça-feira o primeiro-ministro Nuri al-Maliki, em um comunicado.

AFP |

Maliki confirmou a prisão de Bagdadi, anunciada na quinta-feira passada por um porta-voz militar iraquiano, o general Qasem Ata.

"O chefe diabólico da Al-Qaeda no Iraque, Abu Omar Al Bagdadi, está agora nas mãos das forças de segurança iraquianas. Este terrorista mantém fortes vínculos com o antigo regime e a aliança diabólica que criou com partidários do regime passado tirou a vida de crianças, mulheres e xeques inocentes em atentados sanguinários", afirma o comunicado do chefe de Governo.

"É uma nova vitória para as forças de segurança, um golpe decisivo contra os trroritas e o anúncio do fracasso da Al-Qaeda e de todos os grupos criminososo", acrescentou.

Este misterioso personagem, que nunca foi visto, foi nomeado "comendador dos fiéis" do califado autoproclamado pela Al-Qaeda em 2006, o "Estado islâmico do Iraque".

Segundo o Exército americano, trata-se de um líder "fictício à cabeça de uma organização virtual", que só existe na internet e foi criada com fins propagandísticios.

Não é a primeira vez que as autoridades informam a morte ou a prisão do chefe rebelde, e depois desmentiram a notícia.

ak/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG