A Suíça está disposta a enviar soldados para defender seus barcos contra os piratas na zona do Golfo de Aden, anunciou neste domingo o presidente da Confederação Helvética, Pascal Couchepin.

"Não há uma decisão formal, mas a posição do governo é clara: em princípio estamos dispostos a enviar soldados suíços à Somália", disse em entrevista publicada neste domingo pelo jornal suíço SonntagsZeitung.

Somente em 2008, foram registrados mais de 100 ataques de piratas somalis a barcos e 42 embarcações foram capturadas na zona do Golfo de Aden e o Oceano Índico.

hmn/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.