O sueco Sven Goran Eriksson foi apontado neste domingo pela Federação de Futebol da Costa do Marfim para dirigir a equipe na Copa do Mundo na África do Sul. O time pega o Brasil, além de Portugal e Coreia do Norte na primeira fase.

O holandês Guus Hiddink, o alemão Shuster e o francês Philippe Troussier eram considerados, ao lado do sueco, fortes candidatos à vaga.

O técnico anterior da Costa do Marfim, o bósnio Vahid Halilhodzic, foi demitido em janeiro após uma fraca campanha da equipe na Copa Africana de Nações.

Os detaques da Costa do Marfim são o atacante Didier Drogba (Chelsea), o meia Yaya Touré (Barcelona), o atacante Salomon Kalou (Chelsea) e o lateral Emmanuel Eboué (Arsenal).

Eriksson dirigiu a Inglaterra nas duas últimas copas, levando a equipe às quartas-de-final. Em clubes, o sueco alcançou sucesso na Itália e Portugal.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.