Steven Adler, ex-baterista da banda de rock Guns NRoses, se declarou nesta quarta-feira inocente em um caso de posse e consumo de droga, informou uma fonte judicial em Los Angeles.

Adler, 43 anos, havia sido preso com heroína no dia 18 de julho em Hollywood. Ele foi libertado depois de pagar uma fiança de 10.000 dólares e está seguindo um programa de desintoxicação, segundo seu advogado, Barry Sands.

O músico terá que se apresentar novamente à justiça no próximo mês.

Steven Adler era o primeiro baterista do Guns N'Roses, que vendeu quase 100 milhões de discos entre 1987 e 1993. Ele havia sido expulso da banda por causa de seu consumo excessivo de drogas.

tq/yw

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.