Sri Lanka: combates entre forças armadas e rebeldes deixam pelo menos 20 mortos

Combates entre as forças armadas cingalesas e os rebeldes tâmeis deixaram pelo menos 20 mortos no norte da ilha, controlado pela guerrilha tâmil, informou neste domingo o ministério da Defesa do Sri Lanka.

AFP |

As forças de segurança mataram 18 rebeldes durante estes confrontos, destacou o ministério, lamentando a morte de dois soldados.

Os Tigres da Libertação do Eelam Tâmil (LTTE, rebeldes) ainda não comentaram o ataque.

De acordo com o governo, o número de rebeldes mortos desde janeiro se eleva agora a 3.852. Além disso, 297 soldados morreram durante o mesmo período, segundo o ministério da Defesa.

As duas partes costumam dar informações contraditórias sobre os combates e suas vítimas. Os balanços fornecidos são inverificáveis por fontes independentes, já que o governo impede o acesso dos jornalistas às zonas de conflito.

Os Tigres lutam desde 1972 pela independência do norte e do nordeste do Sri Lanka, regiões de maioria tâmil. No resto da ilha, a população é cingalesa.

mg/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG