Soltos voluntários de Bangladesh feitos reféns há 10 dias no Afeganistão

Cabul, 2 nov (EFE).- Dois voluntários de Bangladesh que tinham sido seqüestrados há dez dias na província de Ghazni, no leste do Afeganistão, foram libertados hoje durante uma operação policial, informou uma fonte oficial.

EFE |

Citado pela agência afegã "PAN", o porta-voz do governador de Ghazni, Ismail Jahangir, explicou que as forças de segurança transferiram os seqüestrados ontem à noite para os escritórios da ONG Comitê de Desenvolvimento Rural de Bangladesh (Brac, em inglês), em Cabul.

Jahangiri disse que os voluntários Akhter Ali e Mohammad Shahjahan Ali tinham sido libertados previamente pela Polícia durante uma operação na região de Khogyani, em Ghazni.

No entanto, uma fonte do Brac informou que as vítimas tinham sido postas em liberdade por seus seqüestradores sem o pagamento de resgate, segundo a "PAN".

O porta-voz da insurgência talibã Zabiullah Mujahid negou que a libertação dos seqüestrados tenha acontecido com a intervenção da Polícia. Segundo o rebelde, os reféns foram libertados porque eram muçulmanos. EFE lo/wr/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG