Soldados dos EUA matam por engano seis policiais e milicianos iraquianos

Bagdá, 3 set (EFE).- Soldados americanos mataram hoje por engano seis policiais e milicianos sunitas que lutam contra a Al Qaeda em um posto de controle em Tarmiya, 30 quilômetros ao norte de Bagdá, informaram à Agência Efe fontes do Ministério do Interior iraquiano.

EFE |

As fontes disseram que o incidente ocorreu quando os membros de um patrulha do Exército dos EUA que estava a bordo de uma lancha no rio Tigre abriram fogo contra os integrantes do posto, depois que estes deram tiros para o alto, como advertência.

"Os policiais e os milicianos não sabiam que a embarcação era americana, portanto, atiraram para o alto, o que levou os militares a responder ao fogo e a pedir apoio aéreo", disseram as fontes, que pediram para não serem identificadas.

O Exército americano confirmou a notícia e reconheceu que houve uma troca de tiros entre suas forças e os iraquianos, mas não ofereceu mais detalhes sobre este "lamentável incidente". EFE am/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG