Soldados chegam a Ciudad Juárez, no México, para pôr fim à violência

Ciudad Juárez (México), 28 fev. (EFE).

EFE |

- Cerca de 1.800 soldados chegaram neste sábado à mexicana de Ciudad Juárez para proteger a localidade dos cartéis do narcotráfico, informaram fontes oficiais.

A chegada dos militares faz parte de um contingente de 5.000 policiais federais e militares que patrulhará a cidade a partir da próxima semana. Até o momento, e desde abril de 2008, o estado de Chihuahua, onde fica a cidade, contava com 2.500 soldados e policiais federais que a vigiavam.

Enrique Torres, porta-voz da operação conjunta Chihuahua, informou à Agência Efe que os soldados restantes devem chegar nos próximos dias, mas que não se dará informação a respeito para não atrapalhar os trabalhos das autoridades federais.

A chegada de reforços para fazer cerco à violência foi anunciada esta semana pelo gabinete de segurança federal, integrado pelos secretários de Governo (Interior), Marinha, Defesa Nacional, Segurança Pública e pelo procurador-geral.

Chihuahua, onde se encontra a fronteiriça Ciudad Juárez, foi durante 2008 o estado mais violento do México e culpado por boa parte dos assassinatos cometidos este ano no país. EFE hs/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG