Soldados cambojanos mortos na fronteira com a Tailândia

Dois soldados cambojanos morreram nesta sexta-feira em tiroteios com militares tailandeses em uma zona de fronteira disputada pelos dois países, perto do templo de Preah Vihear, anunciou o governo do Camboja.

AFP |

"Foram registrados tiroteitos graves em pelo menos dois setores. Dois de nossos soldados morreram", afirmou o porta-voz do governo cambojano, Khieu Kanharith.

Mais cedo, depois dos primeiros tiroteios na fronteira, o ministério tailandês das Relações Exteriores acusou o lado cambojano de ser responsável pelo incidente e anunciou que enviaria uma nota de protesto a Phnom Penh.

"Tivemos que responder porque os cambojanos foram os primeiros a abrir fogo contra os soldados tailandeses", declarou Tharit Charungvat, porta-voz do ministério.

"Queremos reiterar que esta área faz parte de nosso território", completou.

pf-ask/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG