Soldados americanos matam homem que jogou sapato contra eles no Iraque

Soldados americanos mataram nesta quarta-feira em Fallujah, oeste de Bagdá, um iraquiano que, segundo o exército americano, atirou uma granada contra uma patrulha, embora os testemunhos tenham afirmado que o homem jogou apenas seus sapatos.

AFP |

Os habitantes disseram que Ahmed Latif, de 32 anos, um iraquiano que sofria de transtornos mentais, insultou os soldados da patrulha no centro da cidade e depois lançou um sapato contra um de seus veículos.

O exército americano declarou, por sua vez, que um comboio foi aparentemente atacado por uma granada.

"O assaltante foi identificado e as forças americanas abriram fogo em legítima defesa e feriram o assaltante", disse o exército em um comunicado.

"A polícia iraquiana transferiu o assaltante ferido para um hospital próximo", acrescentou o texto.

O doutor Ali Hatam, do hospital de Fallujah, declarou que Latif morreu em consequência dos ferimentos causados pelas balas.

O incidente aconteceu um dia depois da liberação de Muntazer al Zaidi, o jornalista que passou nove meses na prisão por ter lançado seus sapatos contra o ex-presidente americano, George W. Bush.

str-sf/lm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG