Istambul, 12 jun (EFE).- Um soldado turco morreu hoje após a explosão de uma mina ativada por militantes do grupo armado Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) no sudeste da Turquia.

O incidente aconteceu na província sudeste de Hakkari, no distrito de Yüksekova, perto da fronteira com o Iraque, quando um grupo de soldados realizava tarefas de rastreamento e desativação de minas.

Os combatentes do PKK explodiram a mina na passagem dos militares turcos, causando a morte de um soldado, segundo a versão oficial.

Após saberem da notícia, os comandantes militares ordenaram uma operação com apoio aéreo para detectar a presença dos rebeldes curdos na área. EFE amu/gs

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.