Soldado francês morre em explosão de mina no Afeganistão

Paris, 11 fev (EFE).- O Governo da França confirmou hoje a morte no Afeganistão de um soldado francês por causa da explosão de uma mina artesanal na região de Logar, ao sul de Cabul.

EFE |

A vítima sofreu um ataque contra um comboio de militares franceses que patrulhavam com uma seção do Exército afegão essa região, informou o Palácio do Eliseu, em comunicado.

"Um oficial pagou com sua vida o compromisso da França a serviço da paz e da segurança afegã", segundo a mesma nota, que precisa que um intérprete afegão também morreu no mesmo ataque e outro militar francês ficou gravemente ferido.

O presidente da França, Nicolas Sarkozy, enviou suas condolências às famílias das vítimas, assim como a seus companheiros do 35º regimento de paraquedistas do Exército de Tarbes.

No mesmo comunicado, Sarkozy reafirma seu apoio ao povo e às autoridades do Afeganistão e reitera a determinação da França de continuar trabalhando pelo restabelecimento da paz e da segurança nesse país.

Atualmente, a França tem cerca de 3,2 mil militares no Afeganistão. EFE pi/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG