Soldado espanhol mata civil afegão por suspeitar de ataque suicida

Madri, 23 dez (EFE).- As tropas espanholas no Afeganistão mataram um civil e feriram outro, em Herat, por suspeitarem que iam perpetrar um ataque suicida por não terem atendido as advertências feitas a eles depois que se aproximaram de um comboio militar, informaram hoje à Agência Efe fontes do Ministério da Defesa.

EFE |

O incidente ocorreu na madrugada de terça-feira, quando um comboio do batalhão espanhol se deslocava de Herat para Sabzak.

Os dois ocupantes da moto ultrapassaram carros que estavam atrás do comboio, e, quando estavam se aproximando do último veículo militar, um oficial fez sinais para que não chegassem mais perto.

Porém, ao contrário, os civis aceleraram em direção ao comboio e o soldado fez disparos para cima como advertência.

Apesar disso, a moto não parou e o soldado voltou a dispara para o ar e depois nos ocupantes da moto. EFE bb-nl/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG