Soldado dos EUA morre e 2 ficam feridos em atentado em Bagdá

Bagdá, 9 nov (EFE).- Um soldado americano morreu no sábado e outros dois ficaram feridos no norte de Bagdá, devido à explosão de uma bomba junto ao veículo onde viajavam, informou o Exército dos Estados Unidos no Iraque.

EFE |

Após o atentado, as vítimas foram levadas para uma unidade médica, mas um deles morreu, devido à gravidade dos ferimentos, afirmou o Exército americano no comunicado oficial divulgado no sábado à noite.

Além disso, as tropas americanas e as forças de segurança iraquianas detiveram durante o fim de semana 36 pessoas em diferentes pontos do país.

O comando militar dos EUA no Iraque informou hoje da detenção de 22 supostos terroristas durante a sexta-feira e o sábado.

Em comunicado, o Exército precisou que as detenções ocorreram em Bagdá, Kirkuk, Mossul, Tikrit, Beiji e Al-Yusifiya.

A cúpula militar americana relaciona alguns dos detidos com os grupos que cometem atentados com explosivos no Iraque, assim como com as redes de tráfico de armas e com as que introduzem terroristas no país.

As forças de segurança iraquianas informaram hoje da detenção de 14 supostos membros da organização Al Qaeda no Iraque, em três operações lançadas durante esta semana.

Os suspeitos foram detidos no norte do Iraque, precisamente em Mossul, Tal Uwaynat e na província de Diyala.

Segundo a nota, entre os detidos se encontram os supostos líderes de duas células terroristas.

As forças de segurança relacionam um deles com a construção e localização de artefatos explosivos, enquanto o outro seria responsável de trabalhos logísticos e de dar alojamento a terroristas. EFE ah-ju/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG