Soldado desertor é acusado em tentativa de ataque a Fort Hood

Acusações contra Naser Jason Abdo, preso há duas semanas, foram apresentadas em júri federal nesta terça-feira

iG São Paulo |

Um grande júri federal apresentou nesta terça-feira três acusações contra o soldado desertor americano Naser Jason Abdo , acusado de planejar um atentado contra a base militar de Fort Hood, no Texas.

AP
Foto sem data mostra o soldado Naser Abdo, 21 anos, que foi detido por planejar ataque a Fort Hood
O soldado Naser Jason Abdo foi acusado nesta terça-feira por posse de artefato destrutivo não registrado e duas acusações de posse de arma de fogo e munição.

Abdo, de 21 anos, pode ser condenado a dez anos de prisão por cada acusação. Ele foi detido há duas semanas em um motel próximo à base de Fort Hood, onde, segundo os investigadores, encontraram uma arma de fogo e os ingredientes para fabricação de uma bomba.

Neste ano, o réu foi considerado como objetor de consciência ao mencionar suas crenças muçulmanas, mas o processo ficou suspenso depois que foi acusado de posse de pornografia infantil.

Há um mês, ele abandonou as instalações militares de Fort Campbell sem permissão dos superiores.

Muçulmano

De acordo com autoridades de Killeen, Abdo é muçulmano e rejeitou se alistar para lutar na guerra do Afeganistão em 2010. O soldado, que servia na base militar de Fort Campbell, no Kentucky, abandonou seu posto no dia 4 de julho acusado de possuir pornografia infantil e só foi visto na última quarta-feira quando comprava armas em uma loja de Killeen.

Ele ele havia acumulado explosivos para atacar a base de Fort Hood, onde o major psiquiatra Nidal Malik Hasam abriu fogo e matou 13 pessoas em 2009.

*Com EFE

    Leia tudo sobre: fort hoodatentadoeuanaser abdo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG