O chefe da diplomacia da União Européia (UE), Javier Solana, recebeu na noite desta terça-feira uma mensagem escrita de Teerã e debaterá seu conteúdo amanhã (quarta-feira) com os representantes dos seis países envolvidos nas discussões sobre o programa nuclear iraniano.

"Recebemos a carta e ela foi encaminhada a Solana", disse à AFP um funcionário da UE.

"Ela vai ser estudada", acrescentou. "Solana vai discuti-la com os representantes dos 5+1", os seis países (EUA, Rússia, China, França, Reino Unido e Alemanha) envolvidos no caso do programa nuclear iraniano.

Nenhuma indicação foi dada sobre o teor da carta, mas uma fonte do Conselho Supremo da Segurança Nacional do Irã (CSSN) havia indicado na manhã desta terça-feira, sob anonimato, que a mensagem não era uma resposta à oferta das grandes potências para resolver a crise sobre o programa nuclear iraniano.

Os ocidentais avisaram nesta segunda-feira que a falta de uma resposta clara de Teerã abriria margem a um estudo de outras medidas contra o Irã para forçar o país a suspender seu programa de enriquecimento de urânio.

As grandes potências ofereceram uma alternativa ao Irã: ou aceita a cooperação e suspende suas atividades controversas de enriquecimento, que os ocidentais suspeitam serem destinadas a adquirir arma nuclear, ou enfrenta sanções crescentes da comunidade internacional.

csg/lm/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.