Solana considera Kosovo mais estável que antes da independência

Bruxelas, 17 fev (EFE).- O alto representante para Política Externa e Segurança Comum da União Europeia (UE), Javier Solana, considera que o primeiro ano de independência do Kosovo foi positivo, embora ache que ainda resta muito a fazer para consolidar a estabilidade do território e da região.

EFE |

Assim afirmou à Agência Efe a porta-voz de Solana, Cristina Gallach, perguntada sobre a análise do chefe da diplomacia europeia quanto ao primeiro aniversário da declaração unilateral de independência da então província sérvia.

"É preciso continuar trabalhando para consolidar a estabilidade nesta parte da Europa. As tensões não beneficiam a ninguém e é necessário que todos os atores concentrem seus esforços no futuro e trabalhem de maneira construtiva e responsável", afirmou.

Desde dezembro do ano passado, a operação Eulex da UE opera em todo o território do Kosovo.

Esta missão, cuja mobilização foi apoiada tanto por Pristina quanto por Belgrado, desempenha um papel fundamental para a estabilidade e o desenvolvimento do Kosovo e da região.

"A Eulex é a maior missão da UE até o momento e deixa evidente o compromisso da UE com esta região", disse Solana, segundo a porta-voz. EFE met/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG