Solana acredita que UE e Síria podem ter acordo de associação no fim do ano

Paris, 13 jul (EFE).- A União Européia (UE) e a Síria poderiam assinar um acordo de associação até o final do ano, disse hoje o alto representante de Política Externa e Segurança Comum do bloco europeu, Javier Solana.

EFE |

"Acho que é possível", disse Solana, em breves declarações a uma pergunta sobre se o acordo poderia ser assinado antes do fim de 2008.

"Vamos ver como avançamos, e se é possível assiná-lo em um prazo curto. Dependerá de ver como todo o mundo atuará até o fim do ano", disse Solana.

A UE e Síria tinham praticamente fechado esse acordo, quando o processo ficou bloqueado devido ao assassinato, em fevereiro de 2005, do ex-primeiro-ministro libanês Rafik Hariri, atribuído por grande parte da comunidade internacional a Damasco.

O presidente francês, Nicolas Sarkozy, que é anfitrião da Cúpula da União pelo Mediterrâneo (UPM) inaugurada hoje, em Paris, e presidente em exercício do Conselho da UE, se comprometeu neste sábado com o presidente sírio, Bashar al-Assad, a lançar "os procedimentos apropriados" para esse acordo. EFE rcf/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG