Um sobrinho do líder da oposição Mir Hossein Mousavi morreu neste domingo nos distúrbios registrados em Teerã, informa o portal na internet dos parlamentares opositores ao presidente Mahmud Ahmadinejad, o Parlemannews.ir.

"Seyed Ali Mousavi, sobrinho de 35 anos de Mir Hossein Mousavi, foi atingido ao meio-dia por um tiro no peito na Praça Enghelab (centro de Teerã) e morreu depois de ser levado para o hospital Ibn Sina", afirma o site.

"Mousavi, os pais deste mártir do movimento verde, e várias personalidades políticas estão neste momento no hospital", acrescenta o portal dos parlamentares de oposição, em uma referência à cor que simboliza os partidários do ex-candidato à presidência.

bur-lma/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.