Sobrinho de Jennifer Hudson permanece em paradeiro desconhecido

Washington, 25 out (EFE) - A Polícia ainda não encontrou o sobrinho da atriz e cantora Jennifer Hudson, que teria sido seqüestrado após o assassinato da mãe e do irmão da estrela. Na sexta-feira, um parente encontrou a mãe de Jennifer, Darnell Donerson, de 57 anos, morta e com marcas de tiros na sala de sua casa em Chicago (Estados Unidos). Ele, então, ligou para a Polícia e os agentes encontraram o irmão da atriz, Jason Hudson, de 29 anos, morto em um dos quartos da casa. Julian King, de sete anos, sobrinho de Jennifer e filho da irmã da cantora, Julia, ainda não tinha sido localizado hoje. Segundo o jornal The Chicago Tribune, vizinhos disseram ter ouvido disparos de arma de fogo, e, segundo a Polícia, pelo menos uma das vítimas teria sofrido ferimentos que sugerem que tentou se defender. Os periódicos The Chicago Tribune e Chicago Sun-Times, que citam fontes policiais, identificaram o suspeito do homicídio duplo como William Balfour, de 27 anos, detido sexta-feira à noite, embora até agora não tenham sido apresentadas acusações criminosas contra si. Julia Hudson tinha denunciado o desaparecimento de Julian na sexta-feira à tarde. Algumas fontes afirmaram que a irmã da atriz é casada com o suspeito.

EFE |

Os registros judiciais do Condado Cook mostram que, em 1999, Balfour se declarou culpado de tentativa de homicídio e seqüestro em um veículo, enquanto em 1998 foi condenado por posse de um carro roubado.

Balfour deixou o Centro Correcional River em maio de 2006 após cumprir sete anos de prisão, e estava em liberdade sob palavra.

A mãe do suspeito, Michele Balfour, disse que seu filho e Julia tinham se separado, e que a mãe de Jennifer o tinha expulsado da casa da família há alguns meses.

A tragédia ocorreu enquanto a cantora estava na Flórida.

A estrela foi alçada à fama com sua participação no programa de televisão "American Idol", onde ficou em sétimo lugar, embora, com sua atuação, tenha ganhado um papel no filme "Dreamgirls - Em Busca de um Sonho" que lhe rendeu o Oscar de melhor atriz coadjuvante em 2006. EFE jab/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG