Sobem para 10 os casos da nova gripe na Colômbia

BOGOTÁ (Reuters) - Os casos da gripe H1N1 aumentaram para 10 na Colômbia nesta quinta-feira, com a confirmação de outros três pacientes infectados pelo vírus, que já causou ao menos 69 mortes no mundo, a maioria no México, segundo informações do governo. Os novos contágios foram registrados no departamento de Casanare, no nordeste do país, em pessoas que conviveram com infectados que viajaram recentemente para a Flórida, nos Estados Unidos, afirmou o Ministério de Proteção Social.

Reuters |

"Os três pacientes estão evoluindo satisfatoriamente, receberam o gerenciamento correspondente em casa com recomendações de isolamento voluntário, proteção pessoal (máscaras) e não foi necessária a hospitalização", explicou o ministério em um comunicado.

A Colômbia foi o primeiro país da América do Sul a informar um caso confirmado do novo tipo da gripe, no último 3 de maio.

Até o momento somam-se 180 casos suspeitos no país e 415 descartados, apesar de o governo esperar que continuem aparecendo novos pacientes com o vírus.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), o vírus infectou até agora 6.497 pessoas em 33 países.

(Reportagem de Nelson Bocanegra)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG