Sobe para sete o número de mortos em distúrbios em Karachi

(atualiza com número de vítimas e condenação do presidente e do primeiro-ministro) Islamabad, 9 abr (EFE).- Pelo menos sete pessoas morreram e outras 15 ficaram feridas em distúrbios registrados hoje em diversos pontos da cidade paquistanesa de Karachi, segundo dados divulgados pela ministra de Informação do país, Sherry Rehman.

EFE |

Segundo o canal de televisão "Dawn", Rehman falou com a imprensa ao fim da segunda reunião dos membros do Governo do Paquistão.

De acordo com a agência estatal "APP", o presidente paquistanês, Pervez Musharraf, expressou sua "comoção" pelos incidentes e pediu que as autoridades esclareçam o ocorrido.

O primeiro-ministro paquistanês, Yousaf Raza Gillani, também condenou os atos de violência e pediu que os cidadãos mantenham a calma.

Os incidentes começaram depois de vários advogados terem protagonizado confrontos nos arredores de um dos tribunais da cidade.

Após esse incidente, grupos de pessoas armadas iniciaram tiroteios e incendiaram pelo menos dez veículos em diferentes pontos de Karachi.

Além disso, todos os mercados e shopping centers da populosa capital da província de Sindh foram fechados e algumas ruas importantes da cidade foram fechadas.

Os episódios de violência vêm aumentando desde segunda-feira, quando militantes do Partido Popular do Paquistão (PPP) agrediram um deputado da Liga Muçulmana do Paquistão-Quaid (PML-Q, em inglês) - que apóia Pervez Musharraf - depois de este tomar posse no Parlamento provincial de Sindh.

Na terça-feira, cerca de 100 advogados atacaram um ex-ministro paquistanês na cidade de Lahore, o que motivou a renúncia do presidente do Colégio de Advogados do Supremo Tribunal do país, Aitzaz Ahsan.

Os dois principais partidos de oposição do Parlamento paquistanês, o Muttahida Quami Movement (MQM, em inglês) e a PML-Q manifestaram sua intenção de boicotar duas das quatro assembléias provinciais. EFE igb/bba/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG