Sobe para 77 número de mortos em mina na China

Pequim, 25 fev (EFE).- As equipes de resgate recuperaram hoje mais três cadáveres da mina de carvão Tunlan, onde no domingo aconteceu uma explosão de gás, e com isso o número de mortos por causa deste acidente aumentou para 77.

EFE |

A agência estatal de notícias "Xinhua" informou que as equipes ainda estão tentando localizar um operário soterrado nesta mina da província de Shanxi, mas as possibilidades de encontrá-lo com vida são poucas.

O número de mortos não coincide com a lista emitida pelas brigadas de resgate, devido a uma repetição na lista dos mineiros vítimas do acidente.

Um total de 436 trabalhadores estava dentro do poço, situado na cidade de Gujiao, quando aconteceu a explosão, na madrugada de domingo.

O poço pertence ao grupo Shanxi Jiaomei, um dos mais fortes do país, cujo fornecimento de energia depende ainda em dois terços do carvão.

Três dos responsáveis do poço foram afastados dos cargos pelo Governo provincial, e ontem pediram perdão às vítimas e a seus parentes. EFE mz/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG