Sobe para 5 o número de vítimas fatais da gripe em El Salvador

San Salvador, 16 jul (EFE).- As autoridades sanitárias de El Salvador confirmaram hoje a morte de duas meninas que tinham gripe suína, com as quais sobe para cinco o total de vítimas fatais da doença no país, onde se avalia declarar o alerta vermelho sanitário.

EFE |

O diretor de Epidemiologia do Ministério da Saúde, Julio Armero, disse ao canal 12 da televisão local que, oficialmente, "cinco óbitos foram confirmados, até o momento".

O funcionário disse que uma das novas vítimas é uma menina de um ano e nove meses que morreu nesta manhã no hospital pediátrico Benjamín Bloom, em San Salvador.

A outra morte, a de uma menina de oito meses, foi registrada no mesmo hospital, na terça-feira passada.

A ministra salvadorenha de Saúde, María Isabel Rodríguez, declarou na terça-feira que o sistema de saúde do país avalia as medidas tomadas até o momento e a disposição de recursos, antes de decretar o alerta vermelho, o que poderia acontecer nos próximos dias.

Armero confirmou que 452 pessoas foram contagiadas pelo vírus e que há suspeitas de que outras 91 poderiam estar infectadas.

El Salvador decretou o alerta amarelo sanitário em nível nacional, no dia 26 de junho, pelo avanço da doença e suspendeu as aulas até a semana passada nas escolas e colégios dos departamentos de San Salvador e La Liberdad, no centro do país, regiões mais afetadas.

O prefeito de San Salvador, Norman Quijano, disse hoje à imprensa que, devido à pandemia, está avaliando a suspensão de algumas atividades públicas durante a primeira semana de agosto, quando se celebram as festas em homenagem ao Divino Salvador do Mundo, padroeiro da capital e do país.

Quijano decidiu hoje instalar postos médicos gratuitos em uma praça do centro da capital, para que a população que apresentar sintomas gripais possa ser atendida.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE cp/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG