Sobe para 49 número de mortos devido a incêndios em Moçambique

MAPUTO - Ao menos 49 pessoas morreram e cerca de cem ficaram feridas como resultado dos incêndios descontrolados, que ganharam força com os fortes vendavais, registrados desde a semana passada na zona central de Moçambique, informou nesta terça-feira o porta-voz do governo, Luís Covane.

EFE |

Nas províncias atingidas - Sofala, Manica e Zambezia -, os incêndios destruíram milhares de casas e 33.000 hectares de cultivos, segundo Covane, que acrescentou que o governo está fazendo o que pode "para salvar vidas humanas e dar apoio aos desabrigados por esta catástrofe".

Na província de Sofala, já foram distribuídos alimentos, produtos de higiene, tendas de campanha, utensílios domésticos e toldos para fazer abrigos.

Em algumas comunidades rurais, as queimadas são utilizadas como meio para fertilizar a terra, por isso costumam ocorrer de maneira estacional nessas áreas.


Imagem de satélite da Nasa mostra os focos de incêndio e a coluna de fumaça em Moçambique

Leia mais sobre: incêdios

    Leia tudo sobre: incêndio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG