Rabat, 20 fev (EFE).- O número de mortos na queda do minarete (torre) da mesquita de Bab el-Berdiyine, na cidade de Meknes, subiu para 41, enquanto o de feridos chegou a 75 pessoas, informaram hoje fontes oficiais.

O novo balanço, apresentado pelas autoridades marroquinas e divulgado pela agência "MAP", indica que 17 dos feridos continuam hospitalizados em centros médicos de Fez e de Meknes.

Já os corpos dos que morreram foram levados para o necrotério de dois hospitais, ambos na cidade em que aconteceu o acidente.

A queda do minarete da mesquita de Bab el-Berdiyine acorreu ontem, logo após o início das orações do meio-dia, a mais importante para os muçulmanos. Na hora, centenas de pessoas estavam no interior do templo.

A queda do minarete provocou o desabamento de praticamente metade da mesquita, que se remonta ao final do século XVII e que, segundo o testemunho de alguns moradores, há meses ameaçava ruir.

Após a tragédia de ontem, o Ministério do Interior informou neste sábado que o rei Muhammad VI ordenou uma perícia emergencial em todas as mesquitas antigas do país. EFE mgr/sc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.