Sobe para 4 o número de mortos por dengue na Argentina

Buenos Aires, 10 abr (EFE).- Subiu para quatro o número oficial de mortos pela dengue na Argentina com o falecimento de um diarista de 44 anos na província de Chaco, no norte do país e na fronteira com o Paraguai, informaram hoje fontes oficiais.

EFE |

O homem morreu ontem no hospital público da cidade de Sáenz Peña, cujo diretor, Luis Lita, explicou que o diarista faleceu depois de sofrer uma infecção "incontrolável" por ter utilizado medicamentos sem consultar um médico.

"As pessoas se automedicam e isso é muito perigoso, além de complicar o diagnóstico", ressaltou Lita.

Segundo o Ministério da Saúde argentino, só em 2009 já foram registrados 8.722 casos de dengue no país e quatro mortos, dois em Chaco e outros dois na província de Salta, vizinha ao Paraguai e à Bolívia.

Entretanto, autoridades provinciais elevam o número de casos para cerca de 14.500 e asseguram que a doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti já matou oito pessoas. EFE alm/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG