Guatemala, 10 jul (EFE).- As autoridades sanitárias da Guatemala confirmaram hoje 53 novos casos de gripe suína no país, com os quais sobe para 339 o número de infectados no país, dos quais um morreu e 315 se recuperaram satisfatoriamente.

O escritório de imprensa do Ministério da Saúde disse, em comunicado, que o Laboratório Nacional de Saúde detectou os 53 novos casos durante a última semana.

Os novos infectados foram medicados com antivirais e as pessoas próximas a eles submetidas a exames de laboratório para determinar se foram contagiadas.

O Laboratório Nacional de Saúde realizou os exames com equipamentos de alta tecnologia, doados há duas semanas pelo Governo dos Estados Unidos.

Na semana passada, o ministro da Saúde, Celso Cerezo, assegurou que o vírus da gripe chegou à Guatemala para ficar, como uma pandemia, como o vírus da aids.

As autoridades sanitárias asseguraram que "a doença está controlada", mas a Guatemala mantém o alerta laranja (de prevenção), em nível nacional, contra a gripe. EFE ca/pd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.